quinta-feira, 20 de abril de 2017

NO MEIO DE NÓS - Documentário [VÍDEO]


DIZEMOS QUE OPERAMOS EM OUTRAS DIMENSÕES PARA NOS SITUARMOS COMO CONVÉM (...) PORQUE ELAS SÓ SÃO COMPREENSÍVEIS PARA AQUELE HUMANO QUE HAJA REALIZADO NA SUA VIVÊNCIA UMA VERDADEIRA REVOLUÇÃO CONSCIENCIAL
MERGULHO NO HIPERESPAÇO

Muito além da expectativa de contato oficial com civilizações cósmicas mais avançadas que a terrena, NO MEIO DE NÓS descortina a fantástica realidade do contato extraterrestre que já está acontecendo em diversas partes do mundo com um grupo preparado de pessoas que, cada vez mais, assumem seu próprio protagonismo na construção de uma nova era.

Com apresentação de Renato Prieto, NO MEIO DE NÓS conta com a participação de entrevistados relevantes no cenário da ufologia, ciência e espiritualidade, além de apresentar a vida e obra do general Alfredo Moacyr Uchoa em direta conexão com os últimos documentos liberados pelo FBI.

Com roteiro, produção executiva e direção de Juliano Pozati, o documentário lançado em DVD e pelo canal da Pozati Filmes no YouTube, ainda apresenta a canção original SINTONYZE, da Banda SuperNós.

Produzido pela Pozatifilmes.com.

Assista abaixo:

domingo, 16 de abril de 2017

DOCUMENTOS da CIA falam sobre PIRÂMIDES e CIVILIZAÇÃO EXTINTA em MARTE - [VÍDEO]

Registros descrevem estruturas erguidas em pedra e seres muito altos e magros. 


A Agência Central de Inteligência dos EUA, a CIA, voltou a tornar pública uma série de documentos em janeiro deste ano - no total são mais de 12 milhões de páginas. A informação contida neles está relacionada à atividade da agência em momentos cruciais da história, como o Golpe de Estado de 1973 no Chile, a Guerra do Vietnã e a Guerra Fria. Entretanto, um arquivo que data de 22 de maio de 1984 possui informações completamente distintas e surpreendentes.

Trata-se de um experimento realizado pela CIA junto com um médium, intitulado “Investigação de Marte”. O mesmo consistia em entregar ao vidente um envelope lacrado, contendo uma data (1 milhão de anos antes de Cristo) e um lugar (planeta Marte) e lhe indicando apenas algumas coordenadas geográficas: 40,89 graus de latitude norte e 9,55 de longitude oeste.

Ao se concentrar nessas informações, o médium afirmou ter uma visão sobre uma pirâmide ou uma coisa com forma piramidal de cor amarelada, de altura elevada, localizada em um território vasto e deserto. Ele também disse ver nuvens de tempestade escuras no céu, grandes estruturas megalíticas e sombras de pessoas muito altas e magras. 

As coordenadas dadas ao médium correspondiam a uma região de Marte chamada Cydonia Mensae, onde os ufologistas têm detectado, frequentemente, objetos misteriosos com formas piramidais em imagens de satélite. 



Suposto “Ouro de Atlântida” é encontrado em antigo navio naufragado [VÍDEO]

Metal foi descoberto em embarcação que afundou há 2.600 anos! 


Uma descoberta arqueológica de grande valor histórico foi feita no mar Mediterrâneo, perto do litoral da Sicília, na Itália: um grupo de especialistas conseguiu recuperar objetos antigos, submersos a mais de 300 metros de profundidade, provenientes de um naufrágio ocorrido há 2.600 anos. 

Essa descoberta incrível consiste em 47 lingotes de oricalco, um metal lendário de grande valor na Antiguidade e que, segundo se acreditava, vinha da Atlântida. Platão descrevia esse estranho material como uma liga de cobre, zinco e chumbo, extraído da cidade mitológica e utilizado em homenagem ao deus Poseidon. 

De acordo com o arqueólogo Sebastiano Tusa, membro da equipe de pesquisa, também foram encontrados nas profundezas dois capacetes coríntios em excelente estado de conservação, restos de vasos, ampolas para armazenar óleos  e uma âncora. 

Em 2014, estudos realizados com 39 lingotes de oricalco encontrados em uma missão arqueológica parecida (e que pode ser do mesmo naufrágio) revelaram que o metal possuía 75-80% de cobre, 15-20% de zinco e doses pequenas de níquel, chumbo e ferro.